Jerusalém, 7 séculos de história na pele

Hoje vou compartilhar com vocês uma experiência totalmente diferente de tudo que já vivi na Terra Santa. Em setembro de 2019 eu estava em Israel com um grupo maravilhoso da melhor operadora do Brasil, a Renova Turismo, é claro.


Nessa turma havia um querido casal aficionado por Harleys e tattoos. Em meio à caminhada pela cidade velha, comentaram ter assistido a um documentário brasileiro sobre um estúdio de tatuagem antigo na Cidade Velha de Jerusalém que atendia peregrinos de todo o mundo, inclusive príncipes e famosos.


Mais tarde, retornando da Igreja do Santo Sepulcro em direção ao Portão de Jaffa, por pura coincidência, passamos em frente ao tal ateliê de tattoo. Estacionada ali, uma imensa Harley branca. O pessoal tentou tatuar mas, as agendas estavam cheias, a do estúdio e a nossa. Essa foto registra o momento exato que passamos pelo local.



De volta ao Brasil, o assunto não me saia da cabeça. Amo Israel, e Jerusalém é a cidade do meu coração. Já trouxe para casa diversos certificados de peregrinação, objetos, terra, pedras, água, fotos e vídeos da Israel, mas nada é tão íntimo quanto uma tatuagem.


A idéia de levar a fé no nome de Deus, de Jesus Cristo e a importância de Jerusalém tatuados no braço não me saiu mais do pensamento.

Comecei então uma pesquisa intensa por textos, imagens, depoimentos, entrevistas e informações sobre o Razzouk Tattoo. O que foi muito fácil, já que o estúdio mantém site, redes sociais e é assunto de entrevistas e matérias.

O Razzouk Tattoo tatua desde o ano de 1300 d.C, sendo o estúdio de tatuagem mais antigo do mundo em atividade, e pela mesma família cristã copta. Wassim é a 27º geração de tatuadores dos Razzouk, foi ele quem me tatuou. Nos séculos XIV e XV seus ancestrais tatuaram cristãos no Egito, migrando depois para Jerusalém, onde o ofício tem passado de pai para filho nos últimos 500 anos.


Após sete séculos, as tatuagens realizadas pelos Razzouk carregam o imenso valor intangível da história, da tradição, da fé e de Jerusalém. É um trabalho incomparável e exclusivo para um cristão.

Os primeiros tatuadores Razzouk desenhavam uma cruz no punho de cristãos para que fossem reconhecidos e aceitos nos templos, mantendo a segurança da comunidade em tempos de perseguição. As tatuagens eram feitas até mesmo em bebês.



O senhor Yacoub Razzouk foi o primeiro tatuador de Israel a usar uma máquina elétrica para tatuar. Ela era ligada à uma bateria de carro. Também foi o primeiro a tatuar colorido país.


Hoje qualquer tipo de desenho é feito usando os stickers ou à mão livre, mas os Razzouk são mais procurados pelas tatuagens realizadas a partir de carimbos de madeira centenários. Os desenhos são diversos, cruzes de Jerusalém, Jesus, santos, passagens bíblicas, ICTIUS, templos, anjos, pastores, animais e plantas bíblicos, além de outros símbolos religiosos.



Cristo é a força no centro do cristianismo. Ele pede aos crentes para propagar a notícia da salvação aos quatro cantos da terra. Porque יהוה tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, ישוע, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. João 3.16.  Esse é o significado da Cruz de Jerusalém, minha escolha na capital eterna de Israel depois de ler e assistir muito material sobre o assunto.

O símbolo é basicamente composto por 5 cruzes; 1 grande cruz central com 4 cruzes menores em cada quadrante. É a escolha exata para quem procura uma cruz que reflita a conexão de Jesus com a Terra Santa.


Agendei por email com 23 dias de antecedência, para um final de tarde de novembro de 2019. Naquele dia, Jerusalém retribuiu minha devoção oferecendo-me um pôr-do-sol espetacular. Esfriou logo e as luzes alaranjadas coloriam a pedra branca. A cidade estava agitada. Familias judias a passos largos em direção ao Muro das Lamentações, turistas e mais turistas entupiam o bazar árabe.



A hora chegou, bateu forte a emoção de fazer a primeira tatuagem, símbolo da minha fé, na cidade mais importante do mundo, a cidade do meu coração. Tirei essa foto minutos antes de fazer a tattoo.



Para a Cruz de Jerusalém, foi usado um carimbo feito em madeira, com 500 anos de idade; também pedi para escrever o nome indizível de Deus, יהוה (Iawe), e o nome de Jesus em hebraico, ישוע (Yeshua), meu Criador e meu Salvador. A cor vermelha que preenche a cruz simboliza o sangue redentor de Jesus. Isto é o meu sangue da aliança, que é derramado em favor de muitos, para perdão de pecados. Mateus 26:28

Dá pra imaginar quantos cristãos foram marcados por aquela madeira em cinco séculos? Fico imaginando gente de todos os cantos, ao longo das eras, tatuando seu corpo com sua fé. É muito emocionante e significativo em termos de comunhão.

O resultado é que estou muito satisfeito e feliz. É um trabalho lindíssimo, carregado de história e tradição, cujo significado está fortemente alicerçado e respaldado pela minha convicção de fé, e realizado por um irmão de fé, no estúdio de tatto mais antigo do mundo que está abraçado pelas muralhas da Cidade Velha de Jerusalém, que tanto amo e retorno ano após ano. Assista o vídeo que preparei para você.



Felipe Silva em Jerusalém

Dr. Felipe Silva

Tour Leader Renova Turismo.

Cirurgião-Dentista Artesania Studio Oral


"A longínqua e empoeirada Terra de Israel é o palco das histórias bíblicas. Sonho de milhares de pessoas, reserva emoções inesquecíveis a todos aqueles que aceitam com fé o seu chamado."

774 visualizações1 comentário

Renova Turismo 

Rua Orlando Carpino, 326 - Campinas/SP

+55 19 3241-2424 - 19.99470.7207 - 19.99471.8930 - 19.99460.7704

contato@renovaturismo.com.br

 

© 2016 by Renova Turismo. Criação: Endorfina Design