O imperdível Mar Morto


Sem dúvida alguma o Mar Morto é uma atração obrigatória para quem visita Israel e Jordânia. Esse sítio geográfico é mencionado diversas vezes na Bíblia, é lindíssimo de ser ver e fotografar, faz bem para a saúde e proporciona uma experiência inédita e relaxante com a água. Além disso, os resorts e receptivos ao redor das suas margens são excelentes. Veja só nessa galeria abaixo.

O Mar Morto está entre Israel e Jordânia, há 427 metros abaixo do nível do mar ecom profundidade máxima de 377 metros. Em meio ao deserto, ele tem cerca de dez vezes a concentração de sal que os oceanos, por isso é que a vida nele é praticamente impossível, e daí vem o seu famoso nome. Apesar do nome existe ao menos uma bactéria que vive nele, a Haloarcula marismortui. A extraordinária salinidade desse grande lago endorreico é responsável por sua característica mais conhecida, a flutuabilidade. Os turistas amam fotografar boiando e lendo um jornal em hebraico. Veja as fotos abaixo.

A lama de suas margens também é conhecida em todo mundo pelos efeitos terapêuticos à saúde e embelezamento do corpo. É normal ver as pessoas cobertas com ela da cabeça aos pés. Não deixe de fazer isso, pois a pele fica lisa e macia.

Desde muito tempo o homem obtém riquezas naturais do mar especial. O incenso usado no Templo Judeu continha o “sal sodomita”, retirado do Mar Morto. Hoje, grandes empresas como Ahava e Premier vendem muitos cosméticos com minerais e lama de lá. Vale a pena se preparar e levar dinheiro para investir nesses produtos. Eles são fantásticos. A Renova Turismo leva seus passageiros em lojas com especialistas que ensinam, indicam e deixam os clientes provarem os produtos.

Os raios do sol percorrem mais 1.200 pés para alcançar a região do Mar Morto, por isso os raios ultravioletas são filtrados e o oxigênio do ar é enriquecido a um ponto em que mesmo as peles mais claras ficam bronzeadas sem se queimar.

Algumas praias tem o solo coberto por pedrinhas de sal e por isso, a água revela-se num tom azul turquesa fantástico. Outras, por causa da utilização de lama pelos turistas, apresentam águas mais escuras. Em qualquer uma delas, a beleza é inegável tendo as montanhas da Judéia e as colinas da Jordânia como fundo. O nascer do sol no Mar Morto é imperdível e vale a pena acordar bem cedo para curtir esse momento, já que a água e o ar têm uma temperatura bem agradável, lembre-se que estamos em terreno desértico.

ORIGEM

Acredita-se que o Mar Morto já esteve conectado ao Mar mediterrâneo. Ele está acima da fenda Sírio-Africana, aquela que causa terremotos na região, na fronteira entre Israel e Jordânia.

Ao longo dos anos, a ligação com o Mediterrâneo secou e água salgada ficou depositada na fenda. Além disso, as Colinas da Judéia reduzem drasticamente a ocorrência de chuvas no local, entre 50 e 100mm por ano. Esse efeito é chamado rainshadow.

Apesar de alguns pequenos riachos desembocarem no Mar Morto, é o famoso rio Jordão sua principal fonte de água. O fato de não haver saída de água, não significa muita coisa, pois a evaporação é enorme. A captação da água do rio Jordão e a extração de minérios também colaboram para a redução de cerca de um metro por ano no nível do Mar Morto, já tendo perdido 35% da sua superfície entre 1954 e 2014. É possível ver no solo as marcas de onde a água estava, além dos receptivos e deques abandonados à centenas de metros das margens atuais.

REFERÊNCIAS BÍBLICAS

O Mar Morto, Mar Salgado, Mar de Ló, Mar Oriental, Mar da Campina, Mar da Planície, Mar de Zoar, Mar de Aravá, Mar de Asfaltite.

Gênesis 14:3– Mar Salgado. batalha de Sidim

Deuteronômio 3:17– Mar da Campina.

Josué 15:5– Mar Salgado

2 Reis 14:25– Mar da Planície

Joel 2:20– Mar Oriental

Ezequiel 47:7-11– profecia que terá suas águas saradas, inclusive com fauna e flora

Zacarias 14:8– profecia que sairão águas de Jerusalém para o mar morto

DICAS

– Não entre com joias e acessórios e tome muito cuidado com câmeras, pois as águas do Mar Morto podem estraga-los.

– Beba bastante água.

– Nas praias cobertas por sal, é mais confortável usar um calçado tipo crocks.

– Entre na água devagar e sem causar respingos nos que estão ao redor.

– Não molhe o rosto e tenha muito cuidado com os olhos. Uma gota arderá muito.

– Não coloque água do Mar Morto na boca.

– A técnica para boiar é “sentar-se” lentamente sobre a água até se acomodar.

– Evite boiar de barriga para baixo, pois é mais difícil se levantar.

– Não é recomendado ficar mais do que 20 minutos dentro da água. Portanto, intercale esses períodos com uma ducha de água doce disponível nas praias.

– É normal sentir a pele coçar levemente, principalmente em regiões feridas.

👉🏼 Confira tambem os vídeos do Ministério do Turismo de Israel.

Dr. Felipe Silva,

Cirurgião-dentista no Artesania⎪Studio Oral,

É amigo e viaja com Renova Turismo.

"Dr. Felipe considera que a terra de Israel foi agraciada pelo sobrenatural, pelo natural e pelo humano; é sem-segundo quando se trata de paisagens, história, religião e cultura; e oferece todos esses ingredientes àquele que a descreve, em um caldeirão que vem sido mexido e temperado há milênios por mãos humanas e divinas. Para ele, Israel é uma musa de inspiração que convida à sua contemplação e profusa tradução artística. Ele aceitou o convite."

#Israel #Dicasdeviagem #Marmorto #Judeia #MarMorto #DrFelipeSilva #RenovaTurismo #Jordânia #LamaMarMorto

0 visualização

Renova Turismo 

Rua Orlando Carpino, 326 - Campinas/SP

+55 19 3241-2424 - 19.99470.7207 - 19.99471.8930 - 19.99460.7704

contato@renovaturismo.com.br

 

© 2016 by Renova Turismo. Criação: Endorfina Design